Início » Polícia

Exclusivo: Novo Helicóptero da Polícia Fluminense

Publicado em 04/09/2008 - Categoria: Polícia

Com exclusividade, o Caso de Polícia solta as primeiras imagens do novo helicóptero que será utilizado no suporte de missões policiais em área de risco no Rio de Janeiro. Trata-se do Huey II, aeronave produzida pela empresa Bell Helicopter da Textron Inc.

O novo helicóptero da Polícia Civil vai ser utilizado juntamente com os antigos Esquilo, que freqüentemente vemos em fotos nos jornais por aí. O diferencial é que, enquanto o Esquilo é uma aeronave própria para taxi aéreo e adaptada para funções policiais, o Huey tem características de aeronave militar, tendo sido utilizado inclusive durante a Guerra do Vietnã. Assim, ganhará equipamentos compatíveis com o uso, e uma blindagem mais adequada que das aeronaves atualmente em uso.

O Huey II, em verdade, é um projeto melhorado do antigo helicóptero UH-1H que tem servido ao Exército Americano por muitos anos, estabelecendo os padrões de desempenho para todos os demais helicópteros. Desde a primeira unidade produzida, mais de 10 mil já foram construídos, sendo que atualmente cerca de 5 mil continuam voando em 45 países ao redor do mundo. O diferencial do Huey II para seu antecessor é, principalmente, quanto à melhoria de performance, devido ao emprego do motor 1.800 ‘horsepower’ T53-L-703, o mesmo do AH-1S Cobra.

Vale lembrar que a PCERJ não utiliza suas aeronaves apenas para apoio aéreo durante operações policiais, mas também no resgate de pessoas desaparecidas em nossas florestas, salvamentos na praia, combate à incêndios, resgate de alpinistas acidentados, e muitas outras atividades de extrema importância, auxiliando muitas vezes o Corpo de Bombeiros.

Helicóptero Águia da CORE, modelo Esquilo

Até então, a Polícia Civil dispunha do helicóptero Esquilo, que, apesar de ser muito útil nas operações policiais, foi desenvolvido para serviços de táxi aéreo.

Depois falaremos mais do assunto, e vamos mostrar melhor também o novo veículo blindado, já divulgado no Diário de um PM. Fiquem aí com as primeiras imagens do Huey II da Polícia do Rio, apelidado também de Sapão:

64 comentários »

  • Márcia comentou:

    Mas… e capacetes? Eles estão sendo usados?

  • OiYes comentou:

    Belo helicóptero, tomara que as coisas melhorem… Só não entendi o porque do apelido Sapão.

  • guerreiro comentou:

    Bela aeronave . Deveriam tambem fazer viaturas proprias para a policia tambem.

  • Eduardo/RJ comentou:

    Márcia: sim! 😉

    OiYes: é o apelido dele mesmo, veio de fora e não sei porque ainda, deve ser pela aparência, meio “panqueca”.

    Guerreiro: com certeza, essas Blazers e Gol não aguentam a parada, a Polícia não fica só no asfalto, e também, o asfalto do Rio é um tapete de buracos né…

  • binho comentou:

    caveirão voador…

  • LUIZ SOUZA comentou:

    Apesar de ser um helicóptero modernizado, esta aeronave apresenta severas limitações operacionais para o trabalho policial no Rio de Janeiro. Por ser muito grande e possuir um disco de rotor amplo (hélice), oferece um grande alvo para os marginais no solo. É também lento, e pouco manobrável, inadequado para áfreas confinadas onde se exige rápidas manobras como nas favelas. Mas sua principal característica, mundialmente conhecida é o elevadíssimo nível de ruído. É um dos helicópteros e aeronaves mais ‘barulhentos’ que existem atualmente, e sua aproximação, alertará os meliantes, quando ainda estiver muito distante. é necessário modificar a Lei, e dotá-lo pelo menos, de metralhadoras fixas em suportes nas portas, do tipo cal. 50, com grande alcance, para manter os marginais afastados, de modo que não possam se aproximaer do grande helicóptero. Mesmo que as pás do rotor principal resistam à tiros, só possibilitam no máximo, o retôrno da aronave até a base, e terão que ser imediatamente substituídas, por uma sérei de razões técnicas, gerando um custo operacional imenso. Assim, forçosamente esta aeronave terá que operar com escolta dos HB-350 Esquilo. O Huey II, é adequado para trabalho policial em países como os EUA, onde não há um cenário de guerrilha urbana. Onde é utilizado em áreas tomadas pelos criminosos ou subversivos, como na Colômbia e Peru, opera sempre com escolta armada de helicóteros ou aeronaves leves. O govêrno teria feito muito melhor, se comprasse alguns McDonnell MD500/530, que são helícopteros muito leves, agéis, rápidos, com grande capacidade de armamento e que tem sido muito utilizados contra a guerrilha filipina e em outros locais conflagrados. Além disso, estes helicopteros tem custo muito alto de operação e manutenção. Vamos ver se o gov~rno terá dinheiro para mantê-lo de acôrdo com as exigências. As autoridades deveriam fazer mais consultas antes de dispender um valor desta monta. Certamente nós pilotos, teríamos muito à informar.

  • Eduardo/RJ comentou:

    Quem sabe, sabe… 😉

  • Simpson comentou:

    A utilização metralhadora .50 depende de autorização do EB e da FAB, mas nada está descartado uma vez que os marghinais já possuem. Lembro bem que em 1992, antes do início da ECO-92 as FFAA ocuparam o Complexo do Alemão, porém na madrugada da mega operação de tomadoado território os marginais derrubaram uma aeronave da Marinha, com munição de .50, justamente a inglesa, mais cara, dai quem sabe se eles compram essa idéia…..

  • Robson Botelho comentou:

    Concordo em parte com o Sr. Luiz Souza, existem opções melhores e mais baratas (operacionapmente) que o Huey II. Os próprios MD apresentados pelo Sr. Luiz e mais os modelos MD-600 N e MD Explorer que possuem capacidade para até 7 combatentes + o piloto.
    A grande aplicabilidade dos MD é a ausência de rotores de cauda o que além de torná-lo em um alvo difícil de ser inutilizado é muito silencioso.
    Porém não devemos nos esquecer que a principal utilização do “caveirão aéreo” é o transporte de policiais ao “front” (sic) de batalha.

  • Mauro França comentou:

    se o senario e de guerrilha porque nao os apache seu poder de fogo visao noturna e outras mas seria mas viavel e sem contar com sua blindagem que é 10…

  • Naja comentou:

    Em se tratando do equipamento, Parabéns aos chefes de policia, porem isso é uma vergonha política hoje nós vivemos essa situação por falta de planejamento e compromisso dos nossos Governantes, que só querem saber de encherem os bolsos e afundar ainda mais o nosso país independente do estado. O país se encontra afundado numa GUERA CIVIL e ninguém abre os olhos pra isso, nas campanhas eleitorais todos aparecem prometendo mundos e fundos para o bem estar dos povos e a nação.
    Mais de certa forma eles estão certos, se nós não abrirmos os olhos e arregaçarmos as mangas e partirmos para a batalha os traficantes e outros tipos de marginais logo tomarão o poder.
    Hoje já temos traficantes, assaltantes, receptadores e etc. em todas as esferas políticas do país.
    >>Obs. Só o sistema não sabe como eles se elegeram.
    (CURRAL E MAIS CURRAL).
    Cadê as reformas política e do judiciário, prometidas por todos os safados que saem candidatos ao cargo maior do meu PAÍS.

  • gutembergue de carvalho comentou:

    Aprovo inteiramente a escolha do huey ll para o combate aos criminosos pois trata-se de uma das melhores , na minha opinião a melhor, máquinas de combate e vcs da polícia responsáveis pela escolha, acertaram e com certeza terão muito sucesso com este helicóptero não tem nada de barulho ou lentidão se não os Americanos seriam os primeiros a reprova-lo para aqueles que estão reprovando a compra do blindado voador é só ver os filmes de guerra no vietnam. Saudações rotativas.

  • Henrique Filho comentou:

    Por gentileza poderia me informar se vai abrir edital
    para policial piloto de helicoptero, visto que, sou piloto
    e estou interessado em fazer parte desta corporação.
    Sem mais, grato por sua atenção.
    Atenciosamente,
    Cmte. Henrique

  • Eduardo comentou:

    Henrique: está previsto para abrir sim, mas ainda vai ter Perito e Oficial de Cartório, então Piloto provavelmente no início de 2009.

  • wallace michael padilha comentou:

    OI EU QUERO TRABALHA

  • luciano aguilra comentou:

    gostei do elecoptero porque acho que uma ferramenta na maõ de quem sabe uzar grandes serventia tem acredito que ajudará bastante nas operaçoes da policia,lembro me desta aeronave nos filme e em minhas revistas.luciano

  • Santos comentou:

    A minha sugestão é a mesma de cima…a Fixação de metralhadoras em suportes nas portas, do tipo cal. 50, com grande alcance, para manter os marginais afastados, não só neste mais em todos os outro que a secretaria de segurança (governo adquerirem).50 neles…Upp…

  • core comentou:

    presta atenção gente! eu sei o que estou falando!
    ñ da para botar uma arma desse porte c ñ inocentes serão atingidos.
    com as armas atuais o policias abordo podem dar tiros sem c preocupar em acertar muros , telhados e paredes!
    pq as munições ñ são tão forte!mas c fosse, iria entrar em casa e firir civis! Ñ DA PARA ACERTAR TODOS OS TIROS ! é muito dificil !balança muito e os vagabundo correm tabem!
    pensem nisso e postem arrespeito!
    obrigado!

  • Josué comentou:

    Eu acho interessante este helicoptero esta em açao no Rio,mas eu acho que essa aeronave tem que estar em posicao de alerta a todo momento,pq esta havendo muita covardia com comunidades carentes,e com os propios policias,como aconteceu em manguinhos.E a cobertura aos policias demorou em atendimento.

  • Jorge comentou:

    jÁ Q A SECRETARIA DE SEGURANÇA COLOCOU ESTA AERONAVE COM AS CARACTERISTICA DO MODELO DE AERONAVE BELL UH-1H O PQ Ñ COLOCAR UM SUPER PUMA.SERIA MUITO MAS IMPORTANTE PARA A POLICIA E PARA TODOS.ESTAMOS DIANTE DE UMA GUERRA URBANA E TECNOLOGIA É SEMPRE BEM VINDO.

  • Lauriney Farias comentou:

    Olha pessoal este helicopetero é barulhento e lento, e com blindagem + tripulação e armamento ficara bastante critico operar em areas que o esquilo opera

  • MARKUS comentou:

    Caros amigos, e o “gota”, desculpem as ignorância mais eles operam no Iraque com muito armamento e as condições operacionais aqui do Rio no meu entender parecem muito com a do Iraque , com áreas tomadas por guerrilheiros , entre civis, com ak 47 etc.Sendo assim além de mais barato , não seria melhor, abç e boas caçadas.

  • roni comentou:

    pó cara muito file mas não entendi ´por que o apelido de sapão

  • carlos comentou:

    muito maneiro esse elico petero

  • ana maria comentou:

    Nossa, o Luiz Souza arrasou…o governo devia te consultar antes de comprar… 😉

  • vitor comentou:

    ai pessoal tem gente falando de equipar essa aeronave com metralhadoras .50 .Para título de conhecimento, uma metralhadora .50 tem alcance máximo de 6.900 metros e valocidade inicial de tiro 880m/s . Geralmente a marginalidade adota o calibre 7,62 . Esse calibre vai no máximo a 3.800 metros . Eu acharia melhor equipar as aeronaves c/ 2 metralhadoras .30 , e cada helicóptero levar um atirador de elite portando um rifle .50 pra se caso tiver que usar. Para abater a longa distância.

  • vitor comentou:

    Ou comprariam helicópteros Apache. Pelo exelente poder de fogo, a surpresa na aproximação devido o helicóptero ser muito silencioso.Alem da maneabilidade por ser um helicoptero agil .

  • Romero comentou:

    Achei que eles poderia ter comprado algo da Helibras…. Coisa boa da nossa terra com tecnologia internacional.

  • Ricardo comentou:

    Para quem tem uma pequena noção da aplicabilidade de um helicóptro,vejo mais um grande engodo das autoridade e do pessoal da PC que opera no setor.Mais uma vez esse povo maravilhoso do RJ sendo enganado.

  • alexandre comentou:

    que merda, pencei que fosse mais legais mas é um monte de sucata

  • victor hugo comentou:

    maluco muito vc helicoptero da polícia civil

  • victor hugo comentou:

    É muito massa esse helicoptero na onte fica o helicoptero

  • hercules comentou:

    sei que é uma boa combater essa vilência toda com tais equipamentos sofisticados, e caros,porém poderiam contratar pessoas habilitadas com Anac para manutenção de tais e estou aí para isto , tenho larga experiência em aeronaves de grande porte, 25 anos de experiencia e gostaria de uma vaga de emprego nesta área. grato.

  • joão dos santos comentou:

    isso é otimo boa jogada cara

  • andré luis penedo comentou:

    isso é pura mauquice , gastar tanto e o povo passandp fome, da eesse dinheiro,para os pobres que é melhor

  • bruno comentou:

    burroooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooo vei em formosa

  • SIERRA comentou:

    BEM, PRIMEIRAMENTE HOUVE UMA FALTA DE PLANEJAMENTO DE ESPECULACAO JUNTO AOS ORGAOS RESPONSAVEIS PELA AQUISICAO DESTA ARENONAVE, POR SER UMA AERONAVE QUE POSSUI UM ALTO INDICE DE RUIDO, AJA VISTO QUE SE HOUVE DE UMA DISTANCIA FAVORAVEL AO INDIVIDUO QUE NO CASO SERIA O ALVO D ALGUMA DETENCAO, FAVORESSE SUA FUGA, COMO APOIO A VIATURAS DE SOLO ELE E POUCO MANOBRAVEL PRECISANDO DE UMA CERTA DISTACIA PARA MANOBRAS EVASIVAS JA QUE O PODERIO BELICO DOS MORROS CARIOCAS NAO TA MOLE NAO, ISSO TIRANDO SEU AUTO CUSTO OPERACIONAL QUE COMO COMENTOU NOSSO AMIGO LUIZ SOUZA NAO E BARATO, SERA QUE OS RESPONSAVEIS NAO TOMARAM CONHECIMENTO DISSO ANTES, SERA QUE UMA AERONAVEL MAIS VERSATIL NAO RESOLVERIA O PROBLEMA OU PELO MENOS AJUDARIA E OUTRO DETALHE E O PESSOAL D SOLO QUE COM VIATURAS UM TANTO ULTRAPASSADAS TAMBEM NAO MERECEM SEREM REVISTAS E TROCADAS POR ALGUMA COISA DO TIPO, ALGUM TANQUE EQUIPADO COM METRALHADORAS NO TETO COM CARLINGA BLINDADA, BEM É ISSO AI

  • torres comentou:

    Porque uma aeronave tao lenta? Podia te colocado um dalphin.

  • carlos eduardo comentou:

    bostinha de coco kkkk elcoptero mais feio nao gostei e sou policiau moro no morro do juramento

  • sebastiao comentou:

    Adorei sabe que os nossos Policiais estao mais protejidos. as viaturas poderiam ser blindadas tbm… quem sabe quando tivermos politicos de verdade …?!:?!:?:!?:?!:?:!?:Deus abençoe os Policiais que oram sua farda…PARABENS.OBG POR TUDO.

  • Carlos Henrique comentou:

    Excelentes helicópteros de polícias civis.

  • BRASILEIRO INDIGNADO comentou:

    ESTE É SÓ MAIS UM, PARA O “PODER PARALELO” (QUE O BURRO PRESIDENTE DA REPÚBLICA E SEUS COMPARSAS INSISTEM EM DIZER NÃO EXISTIR) DERRUBAR. É UMA PIADA. ESTA POLÍCIA NÃO TEM CULHÕES, TEM MEDO DE BANDIDO (SUGIRO TESTE DE NÍVEL HORMONAL PARA ADMISSÃO DESTES CIDADÃOS).

    QUEM PAGA A CONTA??????

    ELES NÃO DÃO SEGURANÇA NEM NO SOLO, O QUE DIRÁ NOS CÉUS!!

    SERÁ QUE TEM MANUTENÇÃO ESTES EQUIPAMENTOS? E SE TEM, SERÁ QUE NÃO É DESVIO DE VERBA COM SUPER-FATURAMENTO??

    O RAUL SEIXAS ESTAVA CERTO: ” A SOLUÇÃO É ALUGAR O BRASIL “, E BEM BARATO, POIS ESTÁ UMA BOSTA.

    TOMARA QUE HAJAM INCIDENTES DURANTE A OLIMPÍADA, POIS AÍ, AS MASCARAS VÃO CAIR.

    SEJAM HOMENS, SEJAM HONESTOS, SEJAM PATRIOTAS, OU SUMAM DE NOSSO PAÍS.

  • Fabio Santos comentou:

    Derrubaram um esquilo…e compram algo caro e nao ideal…PQ?

    Estamos em guerra, uma guerra civil não declarada…O que falta para ser tomada uma atitude? Porque os governos são omissos?Porque os direitos humanos não cobra uma solução para a crise , só quando bandidos morrem eles aparecem? O quanto nossos governantes estão atolados nesse sujeira?Também lucram?Claro que sim…nem que seja 10% na comissão na compra de outro helicóptero,ou outra obra pubica de fachada…Quantos ainda precisam morrer?

  • Antonio comentou:

    Pessoal, hoje derrubaram (atingiram o piloto que forçou o pouso) um helicóptero esquilo matando 2 de seus tripulantes aqui no Rio. Eu acompanho operações policiais com helicópteros há uns 15 anos e TODOS fazem muito barulho ao se aproximarem, além dos policiais ficarem muito expostos nas portas laterais sendo fáceis alvos para alguém que tenha um pouco de conhecimento no uso da mira de um fuzil FAL por exemplo. As grandes questões aqui portanto são:
    1º A proteção do pessoal de bordo (blindagem);
    2º Definição clara dos objetivos da missão (reconhecimento, apoio aéreo, eliminação de alvos, dissuação moral, SAR, etc…);
    3º Aí sim a escolha do(s) equipamento(s) e armamentos, aviônicos, etc..;
    Pelo que eu entendo no nosso caso aqui no Rio deveria-se ter a bordo armas de precisão (que o Apache NÃO TEM!) pois, como vários comentaristas postaram, vivemos um ambiente de guerrilha urbana nas áreas conflagradas, onde a maior parte das pessoas que cercam os criminosos são inocentes e não podem correr riscos do “efeito colateral” de serem atingidas por disparos ou estilhaços de munição.
    Quanto ao custo de manutenção, isto NÃO É QUESTÃO PREOCUPANTE!!!!! Temos uma das maiores arrecadações fiscais do país e temos que ter o retorno do governo a altura do que nos tiram os impostos. Dizer que o país é pobre e não tem como arcar com segurança de ponta é desculpa de corruptos que não pensam duas vezes em aumentar seus próprios salários, articulam desvios de verba, fazem campanhas milionárias com publicitários pagos a peso de ouro (pelo nosso bolso provavelmente), e quando se chama a atenção para os baixos salários dos policiais remetem à velha retórica de que não é um processo fácil, há que se discutir com a sociedade e outras baboseiras do tipo.
    Policial e Militares tem que ter seus salários e soldos equiparados aos PMs do DF.

  • will comentou:

    Luiz, o Huey II é um exelente helicóptero, bem manobravel e ágil, lembrando que esse modelo é um modelo novo, já que é um Huey Série II.

    Ele apenas é um pougo maior que os elicópteros mais ágeis, mas mesmo assim, ele é o helicóptero certo para operações nas favelas do rio, até porque lá, entre as favelas existem matas, um cenário em que ele se dá muito bem.

    Mas seria mais interessante a aquisição do modelo militar EC.635, fabricado pela helibrás, esse sim seria ideal.

  • damasceno hamilton da silva andrade comentou:

    Acho muito bom as nossas policias terem um helicóptero assim,mas esta faltando mais rigor aos policiais,eles tem que serem mais rigidos com os bandidos,tem que botar na cadeia ou mandar balas neles ai sim eles vão respeitar as nossas policia militar e civil é o que eu penso bandido não tem vez..abraços.

  • Carlos comentou:

    Em primeiro lugar, utilizar metralhadoras calibre .50 (conforme sugerido acima) montadas em suportes numa aeronave operando em área densamente ocupada (como qualquer uma de nossas favelas) é um absurdo! Um único disparo de uma arma dessas mata o bandido que estiver sobre uma laje (até aqui tudo bem) e mata quem estiver dentro da casa, na linha de fogo, pois o projétil atravessa essas lajes pré-fabricadas (a capa de concreto não chega a ter 7 cm de espessura)como se fossem feitas de manteiga!
    Sei que o momento é de indignação, mas devemos manter o bom senso!
    Quanto ao modelo da aeronave, acho util sim, mas desde que seja operada dentro de suas características de projeto. Os Huey II poderiam ser utilizados para transporte de grupos táticos, resgate de feridos, como base para observação e coleta de dados durante as incursões… Mas para confronto, voando em baixa altitude em um ambiente hostil e complexo, como atualmente são empregados os helicópteros da polícia, nenhuma aeronave de asa rotavita será realmente segura!
    Não existe forma alguma de dotar um helicóptero de proteção balística sem comprometer a performance… E basta um único disparo (contra o rotor de cauda ou seu mecanismo de acionamento) para que mesmo uma aeronave de ataque como os AH-64 Apache seja derrubada… Para quem duvida:
    http://www.smh.com.au/ftimages/2003/03/25/1048354571204.html

    Pra retificar uma informação dada pelo Robson Botelho: apenas os modelos terminados pela letra “N” (por exemplo: MD500N)é que estão em configuração NOTAR (NO TAil Rotor – sem rotor de cauda. E esta configuração não faz deles aeronaves mais seguras (não contra tiros) ou silenciosas.

    O que deve ser repensado no Rio de Janeiro é toda a questão estratégica… Aliás, parece haver na realidade a FALTA de estratégia! Qualquer helicóptero que o governo compre, não importa o modelo ou fabricante, estará vulnerável voando a 100m de altura (ou menos que isso).

  • aguinaldo comentou:

    Sou Militar, 19 de experiência e mecânico de He tipo UH12/13 ( ESQUILO ) especializado em estrutura, hidráulica e com curso em materiais compostos , amplamente aplicado nas aeronaves e especialista em manutenção de Rotores e ex encarregado de oficina de PMGA ( REPARO GERAL ). Utilizar blindagem em He. é jogar dinheiro fora, e digo isso pq na verdade se blinda apenas as partes inferiores da ANV, ou seja cabine e tanque, deixando as partes laterais destas mesmas partes a mostras, ou seja 80% de um helicóptero fica desprotegido. Quando se adquiriu o Huey II ( sapão ou caveirão voador dito nas comunidades ),
    vi oficial na mídia se vangloriando com a blindagem dessas máquina. Pobre coitado!!! me dê um revolver 22 e eu derrubo até um apache!! e vou mais além, com uma pedrada, se coloca um HE. para a oficina!!
    Estou a disposição de qualquer um que quiser debater comigo.

  • Ricardo Rota-SP comentou:

    Esse sapão não vai dar em nada….não serve pra nada….é lento e pesado…só serve pra resgate e deslocamento de tropa…

  • Aguinaldo comentou:

    Para melhor esclarecer a minha opinião anterior, a respeito dos helicópteros, digo que é um das melhores invenções que o homem, na sua finita capacidade já fez, porém, querem transformar um invenção exclusiva de transporte de passageiro, em arma de guerra. Eu já sabia que cedo ou tarde, acabariam derrubando um HE., tal a sua fragilidade. Algumas perguntinhas bem básicas:

    Onde é feito o balanceamento em um HE.?
    Se apenas 5g de peso numa pá é capaz de desbalancear um rotor,imagina um tiro. Alguém já viu o impacto do descolamento de 5 cm do teipe ( tape ) de poliuretano do intradorso da rotor principal ? pois digo, não queira estar dentro do he, nessa hora.
    A vibração é tão intensa que se tem que fazer um pouso forçado. Imagine um tiro.
    Alguém já viu o que acontece quando se desprende uma palheta de um motor quando se estar o mesmo em funcionamento? Imagine um tiro.
    Alguém já viu o que acontece quando o eixo de acionamento de um rotor de cauda se parte? Não queira ver!!!
    Alguém já viu o impacto de um pássaro na frágil estrutura de policabornato de um UH-12 ? Imagina um tiro de .50 que concerteza irá atravessar os instrumento e ainda
    Acertar o piloto. Tudo isso citado, eu já presenciei.
    Meu maior receio era derrubarem o primeiro. Tem receio que depois disto, tomem Gostinho e continuem a fazer.

    Aguinaldo. Mecânico de UH12/13 da Marinha

  • cimar comentou:

    entao a ideia foi produtiva so faltou engearia,hoje temos no mercado numericos tipo de hericopteros que possa atingi um requisito de um melhor alcance de producao,acoplado com armamento de grosso calibre+bicos.a engearia hoje faz parte de96%mais de qualquen jeito a intencao valeu para primora..

  • Carlos comentou:

    Pois é, Aguinaldo…
    Também trabalhei com manutenção de aeronaves, só que na parte de aviônicos… Este é exatamente o tipo de informação que ninguém divulga!
    Reza a lenda que durante a guerra do Vietnam os UH-1 americanos, quando em hover à baixa altitude, eram derrubados arremessando-se lanças de bambu (isso mesmo… Bambu… Aquele utilizado nas varetas de churrasco) no rotor de cauda.

  • PÉGASUS comentou:

    Primeiramente, a aeronave que caiu na operação no complexo do alemão na ECO 92 foi da FAB e não da MB, como foi comentado por um colega anteriormente.
    O HUEY II, é realmente lento, barulhento e com pouca manobrabilidade, não acho que tenha sido uma boa aquisição pois temos que acompanhar a tecnologia. O helicóptero é realmente uma arma letal porém frágil, os norte americanos já não usam mais essas aeronaves para esse fim, pois já não atendem mais as exigências de hoje, embora seja eterna como símbolo de um armamento de guerra para nós militares. O governo teria que nos consultar sempre antes de uma aquisição tão importante como essa, já que somos os técnicos e entendemos do assunto, e assim evitaria desperdícios fúteis do dinheiro público.

    MACÂNICO DE VÔO DE SUPER PUMA/COUGAR DA MB

  • alan silva alves comentou:

    esse morro do macaco ele que derrubo o holicopitero o sento nao era fica atras do ladras o sento era joga misso de avios da aeronautica e mata todo mundo que mora no morro do macaco pq depois que vai faze isso e os ladras do rio de janeiro emtao vc a policias tinha que faze isso se nao o mundo vai acaba e quei vai faze isso e os ladras imtao e melho as policia joga misso no morro do macaco e acaba longo com isso se nao quei vai faze isso e os ladras

  • SARGENTO LEÃO EXERCITO BRASILEIRO comentou:

    EU COMO MILITAR E UM APAIXONADO POR MINHA NAÇÃO E MISSÃO ESTOU JA COM VERGONHA DE TUDO ISSO .PODE COMPRAR TUDO O QUE OS TAIS SABIDOS DITOS SENHORES DA SEGURANÇA PUBLICA QUE NEM DA SEGURANÇA DELES ELES DÃO CONTA . SE NÃO HOUVER DECISÃO ESTRATEGIA E AÇÃO DIARIAS . SECAR A FONTE DO CAUS O TRAFICO DE DROGAS TRAFICANTE QUE NÃO VENDE PO NÃO TEM DINHEIRO PRA SE ARMAR E NÃO TEM DINHEIRO PARA COMPRAR POLICIAIS DELEGADOS E POLITICOS CORRUPTOS . FOGO SEM LENHA SE APAGA ENQUANTO HOUVER TRAFICO E USUARIOS COMPRANDO ELES ESTARÃO MANDANDO DEIXE O EXERCITO SAIR AS RUAS A FORÇA AEREA E A MARINHA DE GUERRA PRA VER SE ESSA FARRA NÃO ACABA . EM TODAS AS AREAS DA SOCIEDADE TEM CORRUPÇAO ISSO E REAL MAS A SEGURANÇA PUBLICA JA DEIXOU DE SER PUBLICA E SIM DE SITUAÇÃO DE GUERRA URBANA ONDE AS PESSOAS TEM SEUS DIREITOS DE SEREM PROTEGIDAS E CUIDADAS . TEMOS RECURSOS E ARMAS FALTA ALGUEM DAR A ORDEM A CANETADA O CHECK MATE . CHEGA HOJE A ORDEM A PAZ VAI VOLTAR . EXERCITO AERONAUTICA MARINHA DE GUERRA POLICIAS MILITARES CIVIS TODOS JUNTOS CONTRA O CRIME SEJA DEGENTE DO PODER OU DO TRAFICO POLITICOS RICOS POBRES PAU QUE DA NO CHICO DA NO FRANCISCO SEM NOVIDADES E ISSO . TKS A TODOS E BRASIL ACIMA DE TUDO ABAIXO DE DEUS INFANTARIA BLINDADA . 3°SGT PILOTO DE BLINDADO LEÃO .

  • Vinícius Cuppi comentou:

    Eu como estudante de PPH acho ridículo os MD com NOTAR, o helicoptero em sí não é feio mas seu rotor de cauda deixa muito a desejar, muitos acham que essa tecnologia é silênciosa e mais segura, mas isso é uma baita de uma mentira, além de deixar o Helicoptero feio pra cara…

    Quem é a favor dos MD com NOTAR diz ae o que vcs acham, quem não for a favor como eu defenda sua opinião também.

  • aguinaldo comentou:

    Primeiramente vamos explicar ao público o se trata NOTAR:
    NOTAR é o nome de um helicóptero anti-sistema binário que substitui o uso de um rotor de cauda em um helicóptero. Desenvolvido por McDonnell Douglas Helicopter Systems, O nome é um acrônimo derivado da frase NO TAil ROtor. O sistema utiliza um ventilador dentro do tailboom para construir um grande volume de ar de baixa pressão, que sai através de dois slots e cria uma camada limite fluxo de ar ao longo da tailboom utilizando o Efeito Coandă. A camada limite muda a direção do fluxo de ar ao redor do tailboom, criando pressão frente ao movimento exercido sobre a fuselagem pelo efeito torque do rotor principal. Guinada controle direcional é adquirida através de um ventilados, tambor rotativo no final do tailboom, chamado de propulsor a jato direto. Os advogados da NOTAR acreditam que o sistema oferece mais silenciosos e uma operação mais segura.
    Sinceramente prefiro esse modelo e sou ferenho defendor do NOTAR. Sou crítico do convencionais rotores de cauda devido sua fragilidade. Além do mais, é menos uma área
    Vulnerarável, comparando as várias existentes.
    Minha opinião não está baseado na estética e sim na segurança

  • adriano comentou:

    gostei muito da atitude de quem criou essa ideia de por elicopeteros em operasoes policisis nos morros.

  • adriano comentou:

    os policiais copetentes estao de parabens♠♠♠

  • Teixeira comentou:

    Essa aeronave adquirida pela policia carioca é obsoleta e a anos a fab não a usa mais em missôes de combate . Quase tudo q ela tem q faser hoje tem q ter escolta tal a sua deficiencia.
    Para se ter uma idéia so de um detalhe, é imposivel se fazer disparos com o mínimo de precisão a bordo desse lixo pois o seu rotor tem apenas 2 pas e isso causa uma trepidação muito grande. Quando vc esta em um campo aberto usando uma coaxial 7,62 ou uma .50 e atraz do seu inimigo so tem outro inimigo, tudo bem, vc não vai acertar muita coisa mesmo e se errar o alvo principal atinje um secundário. em área urbana não da pra fazer isso nem usar esse tipo de arma. mas em uma aeronave melhor, mais estavel , um bom atirador de elite com um bom fuzil, pode fazer a diferença, mas nessa porcaria velha NÂO DA PARA FAZER ISSO>
    Esse he so serve para transporte.
    O mais preocupante é ver q pessoas q se dizem da área da segurança não sabem sequer q tipo de equipamento devem usar ou comprar.

  • romenil comentou:

    QUE ZORRA É ESSA VELHO!? COMPRAM UM CAVEIRÃO VOADOR PARA ATUAR CONTRA OS BICHOS E FICA UMA GALERONA CRITICANDO. ATÉ HELICÓPTERO SILENCIOSO ESTÃO QUERENDO, PELAMORDEDEUS!!
    A MÁQUINA É BLINDADA VELHO, O “PULIÇA” VAI DERAMAR CHUMBO SEM RISCO DE MACHUCAR AS CUTÍCULAS!!!

  • ...:::PC:::... comentou:

    Muito triste nosso caro e rico pais. Esbanjamento de dinheiro público!
    Todos marqueteiros. Obrigado aos especialistas por fornecerem as informações e a consultoria que o governo deveria ter tido ANTES de decidir.Isso serve também para informar ao povo que tudo isso foi um engodo, tudo desnecessário. Não sou nada, nem militar, nem entededor ou perito, mas sou observador. Será que esse dinheiro todo gasto com uma aeronave, não compraria um monte de motocicletas para invadir as favelas de assalto, com estratégia e elemento surpresa, com facilidade e autonomia total para circulação entre becos e vielas e escadarias?
    Só sei que o helicóptero é a aeronave mais cara, dentre tudo que vôa…E essa… É muito ultrapassada infelizmente. A FAB já teve um monte delas, nos idos dos anos 70, todas remanescentes do Vietnã, todas furadas de bala ( assim foi a chegada de produtoa de vedação de tanques e radiadores, similares aos epóxi encontrados largamente no mercado hj disponíveis para todos os civís). Relamente não sei onde se encontram estas aeronaves hoje.
    Desculpem – me pois me escreví demais.Parbéns ao blog, e a todos os policiais que são verdadeiros heróis.

  • jean comentou:

    eu preferia o apelido de britão

  • alexandre comentou:

    por que todos os helicópteros que chegam para o rio só vem com o embrema e a camuflagem da polícia-civil e não da polícia militar?

Deixe seu comentário!

Escreva seu comentário abaixo, ou faça um trackback do seu site.

Aviso: Você pode comentar esse artigo e expor suas idéias. Mensagens com palavrão, ofensas, injúria ou difamatórias serã o sumariamente excluídas. Exerça seu direito de expressão respeitando o direito de terceiros.

Gravatar habilitado. Para ter uma imagem pessoal exibida, registre seu Gravatar.