Traficantes tentam matar Papai Noel

É, é verdade. Noticiou O Dia:

Rio – Nem Papai Noel está livre da disputa pelo controle das favelas do Rio. Um helicóptero que transportava o Bom Velhinho e se preparava para distribuir presentes para crianças no Complexo da Maré, Zona Norte, acabou virando alvo na briga pelas bocas-de-fumo de duas comunidades. A aeronave foi atingido por duas balas de fuzil na tarde de ontem.

O atentado aconteceu quando o helicóptero sobrevoava a Favela Vila do João, controlada pela facção Amigos dos Amigos (ADA), de Marco Antonio Pinto Menezes, o Quengão. Ninguém ficou ferido.

A festa de Natal aconteceu no interior da Favela Baixa do Sapateiro, que é dominada por um grupo rival, o Terceiro Comando Puro (TCP), e seria controlada por Nei da Conceição Cruz, o Facão. O criminoso está preso em Bangu 1, mas ainda teria domínio na comunidade.

Do meu ponto de vista, espantoso não é ler que uma aeronave foi alvejada por tiros bem no meio da chamada “Cidade Maravilhosa”. Muito menos que Papai Noel iriadistribuir brinquedos, chegando de helicóptero. O que me espanta mesmo é saber que uma Associação de Moradores de um bairro pobre, aliás uma favela posto ter-se instalado irregularmente com a conivência das autoridades municipais, bancar uma festa com a contratação, inclusive, de uma empresa de táxi aéreo para divertimento. Tem é dinheiro nessa favela hein…

Uma ideia sobre “Traficantes tentam matar Papai Noel

  1. E se o bom velhinho tivesse morrido junto com a tripulação e pior a aeronave caísse naquele local qual seriam os comentários. A questão aqui é o que faremos? A festa foi com a participação de todos e com muito sacrifício. O povo sabe o que fazer o problema são os interesses de quem não convive lá. Parabéns ao bom velhinho corajoso. PH

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *