A Guerra da Polícia no Rio

A Rede Record fez um pequeno documentário, que foi exibido em 4 partes, falando sobre as condições da Polícia Civil e Militar do Rio, a violenta guerra e as péssimas condições de trabalho dos profissionais da segurança pública.

Na época em que começaram as edições a equipe de reportagem chegou a manter contato com o Caso de Polícia por e-mail, pedindo autorização para usar o vídeo sobre os bastidores de uma operação policial que nós fizemos durante um dia de incursões no Complexo do Alemão, e querendo ainda entrevistar o autor deste blog para falar sobre o que pensa um policial durante suas missões. Declinei do convite, indicando que a entrevista fosse realizada com policiais mais atuantes na parte tática, os quais eu poderia nomear, ou até mesmo com o Coordenador da CORE, Rodrigo Teixeira. Eles disseram que não queriam colocar a opinião de quem fica dentro de gabinetes, ao que expliquei que o Delpol Rodrigo normalmente é o primeiro a embarcar na viatura e posicionar-se na linha de frente das batalhas, o que acabou ficando comprovado, infelizmente, com sua quase morte em operação posterior na favela da Coréia.

policia em guerraSó que não consegui assistir a nenhum dos epsódios do documentário, visto que a hora que chego em casa só dá pra assistir a sessão coruja, e acredito que da mesma forma muitos leitores também não viram.Um dos amigos do Grupo PCERJ indicou então os links onde alguém postou estes vídeos no Youtube, então, aproveitem enquanto está lá.

Muitas verdades foram ditas, principalmente pelos policiais. Outras balelas foram contadas, mas não vamos aqui contestá-las. A imprensa mesmo ainda não sabe o que é a PCERJ e o que é a PMERJ, o que explica a ignorância da população. Falam sobre a CORE, o BOPE, e a PMERJ em geral. Vejamos pois os vídeos!

[youtube HDtdUXw8hAQ]

Video Polícia em Guerra – Parte 1

 

Video Polícia em Guerra – Parte 2

 

Video Polícia em Guerra – Parte 3

 

Video Polícia em Guerra – Parte 4

11 ideias sobre “A Guerra da Polícia no Rio

  1. Pingback: Blog de Jogos de PC! » A Guerra da Polícia no Rio

  2. Muito obrigado por terem me dado a oportunidade de assuistir este Documentário, porém, acho que infelismente, tudo isto já se tornou normal para a população e Autoridades, que após assistirem tudo isto, desligam seus televisores e voltam a vida normal (?), sempre com aquele pensamento “não esta acontecendo nada comigo, então que se dane”.

  3. Tive a oportunidade de assistir as reportagens na TV. Realmente retrataram muitas verdades e também as mazelas diáras das corporações. Mas ainda persiste uma ingnorância geral do que a é a vida do policial no Brasil.
    Gostaria, apesar de não acreditar que isso vá acontecer, que a TV não mostrasse apenas os ascpecto cinematográfico da coisa, mas a vida do policial em si, suas dificuldades além da atuação diária, as conseqüências do stress constante, suas seqüelas, a luta daqueles que querem estudar. O colega Bradock acerta em cheio quando menciona a indiferença do cidadão enquanto ele não é atingido diretamente pelo problema. Aqui em Minas Gerais, basta ler alguns jornais pra ver que não se tem nem mesmo a preocupação básica de informar dados corretamente. Padecemos do que eu chamo de “ligar o f…-se e meter a espora”. Ninguém quer dar sua cota de colaboração, é mais fácil jogar a culpa nos outros.
    Falando de um tema abordado na série de reportagens, corrupção, acompanhei pela TV as prisões de dezenas de policiais que ocorreram no Rio recentemente, a liberação dos referidos sob fogos e tudo mais. Vendo-os saírem do presídio naqueles carros de luxo, fiquei pensando que, apesar de o salário aqui não ser nenhuma fortuna, ainda ganho um pouco mais que eles e ando de ônibus.
    Pegou mal, pegou péssimo, independente da corporação. Acho que a culpa também é nossa.

  4. Assisti alguns documentários, concordo com a opinão do Deco/MG, mas existe um detalhe técnico a ser aludido, o de que qdo um policial está incurso em crime previsto p/Lei, se faz necessário outro policial p/prende-lo, mantendo a ordem, bons costumes e cumprindo o mandado judicial, isto posto sem sombra de dúvidas nem corporativismo, o que não ocorre com outras profissões….. Não preciso exemplificar.
    O que acontece com freqüência no Rio (Cidade Maravilhosa), é o fato de 1, 2 ou vários policiais não conseguirem chegar ao seu local de trabalho, “base”, UPJ ou OPM, porque pereceremos no meio do caminho, e em muitos dos casos a reportagem nem cobre mais, como se fosse normal, porém qdo foi o Tim alguma coisa deram destaques internacional.
    Muitas da vezes marcamos Operações às 03:00 hs, e o guerreiro que deveria estar atacando, já foi atacado, vemos, os três Policiais Militares, tetando chegar ao 23º BPM no Bairro do Leblon p/assumir o serviço e repentinamente perdem suas vidas, mas a sociedade da Zona Sul solicita urgência na prestação de serviços de segurança pública, reclamando dia e noite p/não ter o atendimento imediato. É a realidade!
    Passamos p/era Pós Moderna, entramos na era do “Continuismo”.
    Continuamos c/baixos salários, continuamos c/falta de armamento adquado, continuamos sem munição, continuamos sem 1 plano de carreira, continuamos sem uma emergência hospitalar, continuamos sem manutenção p/vtrs, continuamos sem Direitos Humanos, continuamos combatendo c/coletes balísticos vencidos, continuamos morrendo dentro de ônibus, e assim caminha a humanidade, porque a luta continua. Peço desculpas a todos p/desabafo.
    Marcos

  5. Eu ainda não tinha acompanhado o documentário, muito interessante, não sou policía mais pretendo ser, estou sempre acompanhando como anda a vida de um policial aqui no RJ ou os batalhões. A coisa está crítica mesmo e o povo já não acha mais novidade mais algum policial corrupto ou quando a mídia fala o governo não dá a atenção necessária para a segurança, realmente muitos só pensam em si e não no proximo, espero que isso tudo um dia mude e que o governo tendo que gastar dinheiro com a segurança que gaste, é uma das coisas mais importantes aqui no Rio.
    Adorei o blog e estarei sempre aqui visitando. Parabéns Eduardo por este blog!

  6. Obrigada a você por esta grande oportunidade de conhecer mais um pouco o mundo de um policial!
    Estarei sempre aqui esperando novidades!

  7. Vi alguns dos videos…e gostaria de parabenizar a todos vcs q fazem esse trabalho honesto e de bastamte coragem e seriedade .Sao vcs q ainda nos fazem acreditar na verdadeira policia …Parabens aew !! Abraços

  8. por que a policia ñ implanta policiais disfarçados dentro das univercidades para pegar os filhos de papai que traficão e alimentão o trafico no estado? grande abraços e que Deus guarde vcs .

  9. por que a policia ñ implanta policiais disfarçados dentro das univercidades para pegar os filhos de papai que traficão e alimentão o trafico no estado? grande abraços e que Deus guarde vcs .

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *