Relembrando: A Polícia Civil NÃO pede aumento salarial!

A Policia Civil pede Socorro

Hoje, véspera da Assembléia Geral dos Policiais Civis do Estado do Rio de Janeiro, a ser realizada em frente à Chefia de Polícia Civil no Centro da Cidade, às 11:00 horas, vale lembrar o principal pleito, o Rescalonamento Vertical dos quadros da PCERJ.

Em 1998, enquanto Policiais Militares e Bombeiros Militares receberam aumento em seus vencimentos, foi editada a Lei 2990/98 que previa um abono no valor de 42%. A Lei nunca foi regulamentada, os Policiais Civis ficaram a ver navios.

Em 2000, criou-se o Governo editou o Decreto 26.498/00, criando a GEAT (Gratificação Especial de Atividade), condedida a todos os servidores da Segurança Pública, com incorporação aos vencimentos proibida, nos valores de R$ 150,00 (1º grau), R$ 250,00 (2º grau) e R$ 350,00 (3º grau).

Em 2001, no (des)governo garotinho (PMDB), foi editado o Decreto 28.585/01, incorporando a GEAT aos vencimentos dos Policiais Militares e Bombeiros Militares, deixando de fora novamente os Policiais Civis, sendo prometido para estes a criação de um novo plano de cargos e vencimentos, o que não foi feito.

Também em 2001, veio a Lei 3.586/01, que extinguiu a GEAT paga aos Policiais Civis, já que esta não foi incorporada como para os Policiais Militares e Bombeiros.

Ainda em 2001, veio a Lei 3.691/01, quando os Delegados de Polícia de maneira egoísta deixaram de lado os demais Policiais Civis, conseguindo, tal qual a Polícia Militar e os Bombeiros, a incorporação da GEAT à seus vencimentos.

Em 2002 entrou em vigor a Lei 4.040/02, que autorizou o Governo a restabelecer a GEAT aos Policiais Civis, bem como definiu que o nível de escolaridade para ingressar na carreira seria o 3º grau. O Governo mesmo assim não quis corrigir a injustiça outrora feita contra os Policiais Civis, deixando a GEAT de lado.

Em 2004 o Governo do Rio reconheceu as perdas salariais dos Policiais Civis, esquecidos, deixados de lado, enquanto os Delegados, a PM e os Bombeiros tiveram seus vencimentos elevados pela incorporação da GEAT.

Desde então os Policiais Civis vêm tentando, polida e educadamente, com muito diálogo e inúmeras reuniões com os governantes, a reparação de todas essas covardes injustiças praticadas pelos (des)Governos anteriores.

Não fomos ouvidos, nossa instituição foi sucateada, o crime organizado implantou com forças suas raízes, e os Policiais Civis, em 14 anos tiveram 17% de reajuste.

A Lei está do nosso lado, a razão nos assiste. A provável GREVE a ser aprovada na data de amanhã nada tem a ver com os Jogos Pan-americanos. Não somos meros chantagistas como querem dizer os governantes. Como podem ver nossa luta vem desde muito antes.

Milhares de policiais estarão na cidade do Rio durante os jogos. Policiais Militares, Policiais Federais, Policiais Rodoviários Federais, Força de Segurança Nacional, FBI, CIA, Policiais de outros Estados, enfim, a população estará bem protegida. Assim, é evidente que a Polícia Civil não fará falta e nenhum problema ocorrerá. Tenho certeza que a população não será de forma alguma prejudicada, já que nosso serviço não é tão importante, e o temos feito muito mal feito.

Né?

Sabemos que o cofre do Estado do Rio está quebrado, não esquecemos que por aí passaram garotinho e rosinha, não esquecemos os cheque-cidadão, as centenas de ONGs, o Propinoduto e Silveirinha e outras coisas mais. Entendemos que o Governador Sérgio Cabral não queria falar abertamente contra seus amigos do PMDB. Exigimos porém que seja assinada uma simples mensagem do Poder Executivo para a ALERJ, propondo nosso projeto de forma parcelada, pode até ser por dois anos, não vão gastar nada mais agora. É simples, indolor, e não onera incontroladamente o orçamento público. Não somos burros, sabemos das Leis e a queremos aplicada. Rescalonamento parcelado, o que há de difícil nisso! Lembram da frase “o governador que diz que o Estado do Rio não tem dinheiro para pagar bem seus policiais está mentindo!“. Eu lembro. Está gravado.

Policiais Civis, amanhã, dia 09 de julho de 2007, às 11:00 horas em frente à Chefia de Polícia, Assembléia Geral para votação de realização de GREVE ou não. Estejam presentes ou morram nos “bicos”.

Nota à imprensa: antes de nos criticar, antes de jogar contra nós a opinião pública, leiam atentamente os parágrafos acima, usem de bom senso (o Governo adora bom senso) e digam, “tem culpa nós?

7 ideias sobre “Relembrando: A Polícia Civil NÃO pede aumento salarial!

  1. dupcerj, todo a população deveria estar engajada na causa da PC. Alias nas causas da PC e da PM. Torço para que o movimento de vcs seja vitorioso e que cumpra rigorosamente a lei. Que a operação padrão se estenda para sempre e que não seja usada só para fazer terrorismo pólitco.

    Os dois movimentos, tanto da PC quando da PM, precisam ser vitorioso.

    Toda a poppulação precisa estar junta nesse momento. Eu apoio.

    TOLERÂNCIA ZERO !!!

  2. dupcerj, outra coisa, quando o governo vai parar de ser conivente com o jogo do bicho? Espero que a operação se estenda também a jogatina.

  3. Raphael: não sei dizer, é muito dinheiro, basta ver quantos deputados e governadores foram eleitos. O Tira não vai deixar de ser corrupto enquanto o Delegado quiser que ele seja, o Delegado não vai deixar de ser corrupto enquanto o Governo quiser que ele seja. Simples assim 😉

  4. Imagina colocar a opinião pública contra a PC… Só se fossemos [nós: opinião pública] uns completos alienados quanto a tais questões citadas em seu post.

    Muito bem.

    Boa sorte!

  5. Juliana: Olha, pela minha percepção você pode se considerar uma honrosa exceção. Por incrível que pareça, existem até mesmo policiais civis da ativa que desconhecem os muitos passos de nossa luta, e nada sabem sobre o Projeto de Reescalonamento. Desinteresse, corrupção? Também, mas alienados de sua própria realidade.
    Exatamente por isso fico extremamente satisfeito e me sinto recompensado quando leio comentários como o seu, alguém que está acompanhando as notícias de fora mas não se deixa enganar por manipulações da mídia e contra-informação. Em nome de toda nossa categoria, obrigado pelo apoio!

  6. tenho acompanhado as solicitaçoes feitas pelos policiais civis.Gostaria de saber se o governador ja deu alguma posição para a situação de vcs.

  7. Acho que esta na hora de pararmos de ficar dizendo que vamos fazer greve, e realmente fazermos, costumo dizer que somos igual ao elefante, não sabemos a força que temos, eles so vão nos atender quando nos tomarmos atitude, greve agora, parar geral, so fazermos remoções de cadaver.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *