Início » Notícias em Análise

Apagão Aéreo do Tráfico no Rio

Publicado em 06/06/2007 - Categoria: Notícias em Análise

Traficantes atiram em aviões

.

O tráfico de drogas no Rio de Janeiro agora colabora com o “apagão aéreo“.

Primeiro foram os helicópteros, que diante do risco de serem atingidos por disparos de armas de guerra de grosso calibre vindos das favelas cariocas passaram a desviar suas rotas, de maneira a evitar a passagem por sobre os focos de nossa guerra civil.

Agora, até mesmo aviões estão adotando as mesmas medidas preventivas. Sabidamente, penso eu, face ao tipo de armamento usado pelos traficantes, e sabendo que os disparos são feitos sem medir consequências, já que no ruim no ruim a culpa final será da Polícia. O Jô Soares chegou a comentar que o avião em que estava foi desviado da rota pois estava ocorrendo “tiroteio” no Leme.

Olha que eu tava até me sentindo excluído deste momento da história do Brasil, já que não estou me importando com o tal “apagão aéreo” e problemas da INFRAERO. Afinal, mal consigo abastecer meu carro com GNV, que dirá pensar em viajar de avião. Mas agora, como morador do Rio de Janeiro, posso dizer que alguns problemas de aviação são por mim também compartilhados. Só que em terra (ou enterra, nunca se sabe).

O Governo diz que está tudo certo, tudo sob controle. Podem vir para o Pan que haverá segurança (já sabem, não venham de avião). Dizem que estão apoiando a Polícia e valorizando seus servidores. Eu digo que é mentira; que as instituições policiais estão falidas, e o Governo do Estado nada mais faz do que “empurrar com a barriga”, classificando portanto a Segurança Pública como assunto secundário no Rio. Veja ali na direita o marcador do Rio Body Count, neste momento em que escrevo o texto são 1.048 mortos e 675 pessoas feridas no Rio de Janeiro desde fevereiro do ano corrente. Quando você estiver lendo este post, em quento quanto estará o marcador? Pois é…

5 comentários »

  • Marcelo comentou:

    Diante dessa situação é mais fácil ainda duvidar de quem diz que viu disco voador no Rio de Janeiro. Acho que até eles seriam alvo de sujeitos entorpecidos com armas na mão. É triste demais saber que essa é a realidade da “Cidade Maravilhosa” destruída por seguidos anos de falta de governo. Abraços.

  • Alexandre de Sousa comentou:

    Do momento que vc escreveu até agora já foram +10 mortos!

  • Tiago Rafael comentou:

    Se bobear até os aviões da FAB vão ter que desviar dos morros. Prenderam uma Desert Eagle hoje né?

    Você citou da farsa do governo em dizer que estão valorizando as polícias. Não é só no Rio que estampam essa mentira, aqui em MG também é assim.

    Compram viaturas e mais viaturas, melhoram o armamento mas esquecem do salário dos policiais.
    Ah, um detalhe, fazem comerciais mostrando a PM e a PC na rua alegres, como se estivessem contentes com a atual situação. Hehehe, é porque geralmente são atores que estão nos comerciais e não Mikes ou Charlies de verdade.

  • dupcerj comentou:

    Pois é, pegaram uma .50 , uma bela de uma arma, tenho curiosidade para atirar com ela… mas sou policial, não bandido, então provavelmente só vou pegar uma destas para apreender e mandar pra perícia hehe

    Esse lance de comprar viaturas e dizer que a polícia tá equipada é muita demagogia, não sei como surte efeito até hoje na opinião pública…

    Na verdade, segundo pesquisas recentes (as quais vou correr atrás) 78% dos policiais estão com o nome sujo no SPC/SERASA, carros com IPVA atrasados, roupas e fardas rasgadas e outras coisas mais que acabam com a dignidade e moral de qualquer servidor público…

  • dupcerj comentou:

    Alexandre: é assustador mesmo, todo dia quando vou revisar o blog vejo o o marcador. É impressionante a quantidade de mortos, por diversos motivos…

Deixe seu comentário!

Escreva seu comentário abaixo, ou faça um trackback do seu site.

Aviso: Você pode comentar esse artigo e expor suas idéias. Mensagens com palavrão, ofensas, injúria ou difamatórias serã o sumariamente excluídas. Exerça seu direito de expressão respeitando o direito de terceiros.

Gravatar habilitado. Para ter uma imagem pessoal exibida, registre seu Gravatar.