Início » Vale a Pena

Admirável Mundo Novo

Publicado em 18/05/2007 - Categoria: Vale a Pena

Efeito Dominó

Este post é uma mensagem de agradecimento ao grande volume de elogios recebidos por este humilde porém ao mesmo tempo pretensioso Blog.

Primeiro, cumpre-me esclarecer uma coisa: já fiz alguns Blogs (que agora descansam no limbo) porque gosto de dar opinião em tudo. Aqui neste espaço porém o intuito é diferente. Resolvi falar sobre um assunto que muito me interessa. Como servidor público e principalmente como cidadão.

Eu defendo com o máximo de dedicação que me é possível a valorização das forças policiais, não só do Rio, mas de todo o país. Não quero bons salários (justos) para a polícia apenas porque sou policial. Não quero a polícia mostrando serviço de qualidade com recursos e motivação apenas porque gosto de trabalhar na polícia. Na verdade, pensando melhor, isso tudo eu quero. Porém eu PRECISO, de uma polícia que preencha os requisitos acima porque um dia eu poderei deixar de ser policial e escolher outra profissão, e quero poder andar em segurança pelas ruas de minha cidade, sem este atual clima de pavor coletivo. PRECISO de uma polícia que funcione porque, mesmo hoje, embora eu seja “da polícia”, minha família não é, meus amigos e colegas não são, as pessoas que eu gosto não são (em sua maioria claro). Pode dizer que é puro egoísmo meu, mas só me importo com isso mesmo, quero ter a paz e tranquilidade de, a cada vez que toca o telefone não pensar besteira, não pensar em ninguém que foi assaltado ou coisa pior. Porque, pense, no fundo vivemos nossas vidas, cada um de nós, em função dos outros. Pra que se salvar da destruição do mundo se tudo que te importa for destruído, e só restar você?

A proposta primária deste espaço era um tanto literária, pretendia escrever esboços de crônicas policiais baseado em situações que vivenciei, ou nas inúmeras estórias de outros policiais, os mais da antiga principalmente, porque as situações inusitadas são dígnas de best sellers. Só que a angústia é tão grande que basicamente o foco mudou, como podem perceber.

Mudou também muito porque acompanho diariamente diversos outros Blogs de policiais. E aproveito para explicar que não mantive contato diretamente por medo. Medo de parecer que queria divulgar um Blog em cima de outros que já estavam no topo das paradas de sucesso. Por isso, apesar de ler todos os posts (todos mesmo, fui do primeiro ao mais recente cronologicamente) não tinha colocado ainda links por aqui. Agora acho que posso me considerar aceito sem parecer que queria auto-promoção pro Caso de Polícia em cima dos outros.

Tudo começou quando surgiram as primeiras divulgações (na internet, não nos jornais) do Blog Diário de Um PM, do Mike Alexandre de Sousa, o que me fez voltar a ler Blogs, atividade que tinha interrompido, esquecendo-me da grandeza desta fonte de informação. Depois, através de um link de lá, descobri o Cultcoolfreak, mantido pelo Roger. Me identifiquei muito pois trabalhei nos primeiros anos em Delegacia do interior, e foi o que me inspirou a fazer o tal blog de contos. Dali foi ramificando, conheci diversos blogs com conteúdo excelente e inspirador, como o Blog da Segurança Pública do Cathalá, o Alvo da Chibata, o Vox Libre do Antonio Rayol, e essa semana conheci ainda o Pauta do Dia da Roberta Trindade (com uma nova proposta de jornalismo que se destaca do que eu chamo de “imprensa preguiçosa”), enfim muitos outros Blogs que estão na barra de favoritos do meu Firefox à qual não tenho acesso agora. E mais ainda, junto à este, surge o Blog do GRUPO PCERJ e outro de divulgação das prisões da DEAT, mas onde não há interação com o leitor (espero que por pouco tempo).

Bom, foi isso, espero que as coisas continuem andando por aqui e por todos estes Blogs os quais eu considero de utilidade pública, e que mostram a verdade real, a verdade dos fatos. Só não vê (ou lê) quem não quer. Por sinal, deixa eu atualizar meu “blogroll”…

7 comentários »

  • Roger comentou:

    É por gente como você que ainda faço acreditar que a segurança pública brasileira tem jeito.

  • Alexandre de Sousa comentou:

    Du PCERJ seu blog é Du C*

    Vc sabe, eu torço muito pela blogosfera policial, faço o possível para divulgar e integrar, mas sei que muito mais poderia ser feito. Policiais com blogs já são muitos, mas policiais-blogueiros mesmo, são poucos. Quando falo “blogueiros” quero dizer dos que gostam e se interessam pela arte de blogar, que sabem da importância que é linkarnos uns aos outros, de dialogarmos, de pesquisarmos, de interagirmos com o público, de atualizarmos nossos blogs. Vejo que vc é policial e blogueiro. Isso é muito bom.

    Não precisava ter esse medo bobo, torço para que cada vez mais apareçam blogs policiais com essa qualidade que o seu tem, pelos motivos que eu já coloquei lá no blog.

    Eu também mudei o foco no meu blog. A idéia inicial foi fazer dele um diário, contando os causos da vida de um policial militar. Tomou outro rumo, e ficou melhor assim 😀

    Sucesso!

  • dupcerj comentou:

    Alexandre : Novamente obrigado amigo, não sei se este Blog é digno de tantos elogios que vem recebendo, mas me deixa muito satisfeito. Foi o seu Blog que me inspirou a manter esse, e o do Roger que me inspirou no conteúdo, mas acabou ficando uma mistura dos dois hehe; de literário para pró-revolucioinário, mas tá bom. Espero que ganhemos novos parceiros para debates em escala geométrica.

    Roger : cara, se tem jeito ou não, só tem um jeito de descobrir, tentando né, mas apesar de pequenas iniciativas como essas ainda me considero bastante omisso em ralação a tudo na Polícia e na Segurança Pública. Só que quando tomo conhecimento da existências de pessoas como vocês dois por exemplo, também tenho a impressão de que nem tudo está perdido.

  • JULIO CESAR CORREA comentou:

    Venho lá do Diário de um Pm e não posso deixar de lhe dar as boas vindas e lhe desejar tudo de bom. Trabalhei na Civil durante sete anos e meio. Hoje apenas escrevos histórias policiais no meu blog, mas a minha alma continua na polícia. Mais uma vez felicidades! Estava mesmo faltando um blogueiro da civil.
    gd ab

  • dupcerj comentou:

    Obrigado amigo, e sucesso (mais ainda né) em sua carreira como escritor. É aquela velha história, você tira o policial da polícia mas não tira a polícia de dentro do policial. Quem por aqui passa nunca mais verá com os mesmos olhos que tinha antes. Abraços.

  • robertatrindade comentou:

    Muuuuuuuito obrigada novamente pela menção! (Que muito me honra, logicamente!)

    Esteja sempre à vontade em meu blog e seja sempre bem-vindo!!

    Beijooooos!!

  • dupcerj comentou:

    Que isso Roberta, acredite, se estamos preocupados com o rumo que toma a segurança pública, estamos no mesmo barco. Esse é o foco, e sempre que precisar estamos por aqui.

Deixe seu comentário!

Escreva seu comentário abaixo, ou faça um trackback do seu site.

Aviso: Você pode comentar esse artigo e expor suas idéias. Mensagens com palavrão, ofensas, injúria ou difamatórias serã o sumariamente excluídas. Exerça seu direito de expressão respeitando o direito de terceiros.

Gravatar habilitado. Para ter uma imagem pessoal exibida, registre seu Gravatar.